Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 13 de dezembro de 2009

..

Porque cagar-me para ti é pouco, queria que toda a gente soubesse como és mesmo. (;
- Tiago : miúdo mimado, sempre a tentar arranjar confusões, sempre a tentar chatear-se com alguém, bué falso mesmo, diz que sente o que na verdade NÃO SENTE, como por exemplo, diz 'Amar-me Bué' quando na verdade, como vim a saber há uns dias, Odeia-me, mas pobre bébézinho imaturo e sem vida, porque não sabe que eu também o ODEIO DO FUNDO DO MEU SER, e não há maneira de ele recompensar a merda que me fez, e não vale a pena sequer tentares resolver as coisas comigo -.- porque pensei que estivesses uma pessoa diferente e mudada, como da última vez em que me pediste desculpa, mas afinal só estavas pior, mais estúpido e mais infantil, e fizeste a mesma merda .|. Portanto, as últimas palavras que me disseste foram umas quaisquer, a dizer que me odeias ou assim, mas enfim, o que vem de baixo não me atinge, por isso, ADEUS, tem uma (muito) má vida longe de mim, @
Ps: Só para que os meus amigos não tenham problemas mentais enquanto estiveres vivo, esconde-te dentro de um buraco ou tapa a tua cara com um saco (ao contrário de ti, preocupo-me com os meus amigos) okay? (:

1 comentário: